HISTÓRIA

A Fazenda São Fernando (FSF) foi fundada em 1804 por membros da família Fortes Bustamante, senhora de diversas terras no Vale do Rio Preto, tais como as vizinhas fazendas Santa Clara e São José. A economia local foi estruturada com base no trabalho escravo, prática adotada sistematicamente no processo de colonização desde o século XVI e devidamente condenada na segunda metade do século XIX.
No período do café a FSF era uma das maiores e mais bem equipadas da região: além da casa-sede construída no melhor estilo colonial e de toda a estrutura criada para a produção do café, contava ainda com diversas edificações como um alambique para fabricação de cachaça.
No início do século XX o Coronel Manoel Joaquim Cardoso, empresário de origem portuguesa, adquiriu a FSF e fazendas vizinhas como a São Paulo e a São José, tornando-se um dos maiores produtores de café da época. Considerado um visionário, começou a investir paralelamente na criação de gado leiteiro, cujos produtos obtiveram fácil escoamento através de sua estação ferroviária, inaugurada em 1914 e denominada “Coronel Cardoso”. Outro grande empreendimento foi a construção em 1926 de uma central geradora hidrelétrica, a CGH-São Fernando, que até os dias de hoje continua em atividade com o maquinário original.
Já no século XXI, mais precisamente em setembro de 2003, a FSF inaugura uma nova fase de sua história, quando três irmãos e sua mãe decidem juntos trocar a vida na cidade pelo desafio de morar no campo para administrar os negócios da fazenda, herança de seu pai. Com união e persistência, inicialmente os irmãos reestruturaram a produção leiteira da fazenda. Em seguida, adequaram as instalações do laticínio atendendo às exigências da legislação e iniciaram a produção de queijos com a visão de levar alimentos de qualidade à mesa do consumidor.
Na apresentação dos produtos optaram por valorizar a história da fazenda, resgatando as marcas originais do Laticínio São Fernando e, posteriormente, da Cachaça Teimosa. Desde então, a FSF leva para a cidade os sabores da fazenda, despertando também no consumidor a curiosidade pela região do Vale do Café.
Em 2012 veio a grande crise que causou a paralisação dos negócios principais da fazenda, como laticínio e pecuária. A partir disto, passaram a terceirizar os ativos como terras, casas, indústria e galpões, com a intenção de manter a produtividade, desenvolvimento social, ambiental e econômico. Atualmente a fazenda conta com mais de 20 parceiros de variáveis setores da economia, trazendo uma estabilidade para os negócios e permitindo o seu desenvolvimento.
História Fazenda São Fernando

Estrada Coronel Cardosos s/n°

Conservatória/Valença- Rio de Janeiro

Siga-nos

 

  • Face Fazenda São Fernando
  • Instagram FSF
  • apple-touch-icon
  • @fazsao_fernando
  • Branca Ícone LinkedIn

Menu

Receba as nossas novidades

  • Facebook FSF
  • Instagram FSF
  • @fazsao_fernando
  • Branca Ícone LinkedIn